terça-feira, 9 de dezembro de 2008

UM MOMENTO INESQUECÍVEL DE 2008 - A OCUPAÇÃO DA REITORIA - PEDAGOGIA PRESENTE

Capa do Correio Braziliense de 16 de abril de 2008

Momento histórico na Universidade de Brasília, estudantes com sua mobilização conseguiram depor um reitor e toda sua diretoria. Ficaram mais de duas semanas ocupando a reitoria em buscas de seus objetivos e mostrando que com força de vontade e de luta pode se chegar a seus objetivos.

Cartomante

Elis Regina

Composição: Ivan Lins / Victor Martins

Nos dias de hoje é bom que se proteja
Ofereça a face pra quem quer que seja
Nos dias de hoje esteja tranqüilo
Haja o que houver pense nos seus filhos

Não ande nos bares, esqueça os amigos
Não pare nas praças, não corra perigo
Não fale do medo que temos da vida
Não ponha o dedo na nossa ferida

Nos dias de hoje não lhes dê motivo
Porque na verdade eu te quero vivo
Tenha paciência, Deus está contigo
Deus está conosco até o pescoço

Já está escrito, já está previsto
Por todas as videntes, pelas cartomantes
Tá tudo nas cartas, em todas as estrelas
No jogo dos búzios e nas profecias

Cai o rei de Espadas
Cai o rei de Ouros
Cai o rei de Paus
Cai não fica nada.(6x)




ESTÃO NA FOTO: Mônica (Cacá, na frente da garota de câmera), Marquinhos (atrás da moça com a câmera), Gabriela (Gábi, ao lado do Marquinhos), Rafinha (a frente da Gábi), Amanda (ao lado de Rafinha), Aline (a frente de Rafinha), Alysson ( ao lado de Aline), Rogério ( ao lado de Alysson), Paulinha (ao lado de Rogério), Bruna ( a frente de Paulinha), Naira (a caloura, escondida e atrás de Bruna) e Roale (ao lado de Naira).

Esta foto foi tirada em uma das assembléias realizadas na reitoria ocupada, no dia 15/04/2008.
E nela se encontra um número enorme de pessoas da Pedagogia, curso que sempre foi reconhecido por seu ponto de vista político sempre presente e marcante na UnB.

Força política que esta década chegou ao auge quando um grupo de pessoas (entre elas Mônica Padilha, Gabriela Almeida, Rafael Ayan e Dmitri) reorganizaram a Pedagogia políticamente, reabriram o Centro Academico (com a chapa de encontro a práxis em 2005), e motivaram conquistas como a vinda do Fonepe a Brasília em 2005. Hoje só restam daquela geração Mônica Padilha, Rafael Ayran e poucos outros, quase todos se formando agora este semestre.

Que as pessoas que ficarão saibam representar bem esta geração que ficou e marcou esta década na Faculdade de Educação.


Um comentário:

𺰘¨MaJuH¨˜°ºð disse...

Olha eles ali..
(Alysson e Rogério)..hehehe
=D